Banner

dezembro 24, 2018

As 25 Traduções da Bíblia da Idade Média




Vamos aprender sobre as traduções da bíblia desde a idade média no artigo de hoje. Quero que vocês conheçam algumas dessas traduções da Bíblia para os idiomas anglo-saxão, alemão e inglês da Idade Média. Também quero que vocês conheçam o trabalho dessas pessoas na execução de sua tradução.

Traduções da Bíblia da Idade Média


  • Livro de Armagh
  • Bíblias Latinas
  • Paráfrase de Caedmon
  • Aldhelm
  • Os evangelhos de Lindisfarne
  • Beda, o Venerável
  • Alcuíno de York
  • Rei Alfredo
  • Aelfric
  • Os evangelhos Ormulum e Atos
  • Richard Holle de Hampole
  • John Wycliffe
  • John Purvey
  • A Bíblia de Gutenberg
  • Novo Testamento grego de Erasmo
  • Bíblia Poliglota
  • Martinho Lutero
  • William Tyndale
  • Miles Coverdale
  • Bíblia de Mateus
  • Grande Bíblia
  • Bíblia de Tavener
  • Bíblia de Genebra
  • Bíblia do Bispo
  • Bíblia Douay-Rheims

1 - Livro de Armagh


Na Irlanda, o Livro de Armagh, contendo porções do Novo Testamento, foi escrito em letras minúsculas, pequeníssimas, comprimidas e abreviadas, para que pudesse conter a maior quantidade de texto possível em uma página.

 
Foi escrito e copiado no começo do século IX, parcialmente em irlandês e parcialmente em latim. O Livro de Armagh continha partes do Novo Testamento de um texto não Vulgata.

 
O Livro de Armagh é a única cópia completa que ainda existe desse Novo Testamento produzido pela igreja irlandesa.
 

2 - Bíblias Latinas


Depois que Agostinho de Cantuária chegou à Inglaterra, o papa Gregório enviou para Agostinho uma Bíblia gregoriana.

 
A Bíblia gregoriana não foi escrita em hebraico no Antigo Testamento e em grego no Novo Testamento, mas foi escrita em latim, até porque o latim era o principal idioma falado na maior parte dos países do mediterrâneo.

 
Esses dois volumes consistiam em duas cópias dos evangelhos, dois saltérios, e algumas exposições sobre os evangelhos e as cartas do Novo Testamento.


3 - Primeiras Bíblias em Inglês


Bíblias em Inglês Antigo e Medieval 500-1.100 d.C. Não existe cópia completa nem tradução do Antigo Testamento, nem do Novo Testamento para o idioma inglês durante essa época.


4 - Paráfrase de Caedmon das Escrituras em anglo-saxão, na década de 650.


Citação sobre Caedmon

"O primeiro esforço, do qual temos certo conhecimento, de fazer algo como uma paráfrase da Escritura para o anglo-saxão  que se pode datar, foi do poeta Caedmon no século VIII"
(Citação retirada da Hexapla em inglês: um relato histórico das versões em inglês das Escrituras).


Primeiro Poeta Saxão

 
Caedmon, era um monge leigo de Whitby, é descrito como o "primeiro poeta saxão", Caedmon compôs a primeira versão métrica de grandes partes da história do Antigo Testamento.


Poema de Caedmon

"Agora devemos louvar o autor do reino celestial, as admoestações e o poder do Criador, as obras do Pai da glória: como ele, o Deus eterno, foi o autor de todas as maravilhas. Ele, que primeiro deu aos filhos dos homens o céu como teto, e depois, o Guardião Todo-Poderoso da humanidade criou a terra".


Escritos Adicionais de Caedmon

 
Caedmon, também escreveu um material que relatava os principais fatos da vida de Jesus e da pregação dos apóstolos.


5 - Aldheim 640-709


Aldheim, foi abade de Malmesbury e bispo de Sherbome. Aldheim fez uma tradução literal de Salmos para o anglo-saxão em aproximadamente 706 d.C., para ser usada nos serviços diários da igreja.

 
Não existe cópias remanescentes dessa tradução. Aldheim foi o primeiro tradutor da Escritura para o anglo-saxão.


6 - As Primeiras Traduções para o Inglês.


Os evangelhos de Lindisfarne


Os evangelhos de Lindisfarne se refere a uma tradução latina de Mateus, Marcos, Lucas e João, realizada em aproximadamente 70 d.C., uma tradução interlinear escrita em anglo-saxão, por Alfred, foi adicionada.


7 -  Beda, o Venerável 674-735


Beda, era um monge que morava em Jarrow, ele traduziu o evangelho de João. Beda, terminou a sua tradução no mesmo dia da sua morte. Hoje já não existe cópias do seu trabalho. Citação de Beda, o Venerável.


"Dediquei toda a minha atenção ao estudo das Escrituras. Desde o momento que recebi meu diploma da Ordem dos Sacerdotes até meus 59 anos de idade (731 d.C.)"
(Citação retirada da Hexapla em inglês: um relato histórico das versões em inglês das Escrituras.)


As Últimas Horas de Beda

 
O idioma de Beda era o anglo-saxão, que se parece com o idioma do alemão moderno. Este é o registro das últimas horas de Beda, durante as quais ele terminou a sua obra de tradução. Citação sobre as últimas horas de vida de Beda.


"A doença de Beda aumentou, mas isso só o fez trabalhar mais diligentemente na tradução de João. Na quarta-feira, seu escriba lhe disse que só restava um capítulo, mas temia que ele tivesse dores ao ditá-lo. "É fácil", respondeu Beda; "pegue sua caneta e escreva rápido".


O trabalho continuou por algum tempo. Então Beda orientou Cuthbert a trazer os pequenos tesouros de seu cofre(capsella) para distribuí-los entre seus amigos. E assim ele passou seu último dia, até a noite, tendo conversas alegres e saudáveis.

 
Seu escriba, por fim, encontrou uma oportunidade de lembra-lo, com humilde impertinência, do trabalho inacabado.
 

 "Uma frase, caro senhor, ainda falta ser escrita". Ele respondeu. "Escreva depressa".


Logo o garoto disse: "Está terminado, agora". "Bem" respondeu Beda, "tu disseste a verdade; tudo está terminado".


"Apoie minha cabeça com as tuas mãos; eu sentarei no lugar santo onde costumo orar, e ao sentar recorrerei ao meu Pai."

"Por isso, descansando no chão de seu aposento, ele salmodiava Glória, Glória ao Pai, através do Filho, no Espírito Santo, e a sua alma imediatamente descansou, quando o nome do Espírito Santo estava em seus lábios".
(Citação retirada do livro uma visão geral da história da Bíblia em inglês, por Brooke Foss Westcott.)


8 - Alcuíno de York, final dos anos 700


Alcuíno, o mestre de York, traduziu os primeiros livros do Antigo Testamento para o anglo-saxão. Em um de seus sermões, Alcuíno escreveu o seguinte:


"A leitura das Escrituras é o conhecimento da bem-aventurança eterna. Nelas, o homem pode contemplar -se como um espelho, para ver que tipo de pessoa ele é".
 
 
"A leitura purifica a alma do leitor, pois, quando oramos, falamos com Deus, e, quando lemos os Livros Sagrados, Deus fala conosco".


Entretanto, somente os filhos da nobreza tinham dinheiro e capacidade intelectual para ler a tradução de Alcuíno.


9 - Rei Alfredo 849-899


O rei Alfredo introduziu seu famoso código de leis para assuntos britânicos com sua própria tradução anglo-saxônica dos Dez Mandamentos. Sobre a "Regra Pastoral" do papa Gregório, de Alfredo, o rei declara seu anseio. Citação do Rei Alfredo


"Todos os jovens livres de meu povo perseverem na aprendizagem até que possam ler perfeitamente as Escrituras em inglês".


É geralmente aceito que o próprio Rei Alfredo tenha sido o responsável pela tradução dos primeiros cinquenta salmos, junto com as origens e significados de cada um, como nos Solilóquios de Agostinho de Hipona.


Baixar Plano de leitura Biblica personalizada no teu altar



10 - Aelfric 955-1020


Aelfric, também conhecido como o Gramático, era monge de Winchester, e foi posteriormente abade tanto de Cerne quanto de Eynsham.

 
A partir de 1000 d.C. Aelfric, seria arcebispo da Cantuária, ele ministrou no idioma saxão ocidental e escreveu comentários sobre alguns livros da Bíblia.


Heptateuco


Aelfric escreveu uma versão condensada dos primeiros sete livros do Antigo Testamento que ficou conhecido como o Heptateuco de Aelfric. O Heptateuco, em parte, é uma tradução literal, e, em parte e uma tradução parafraseada. Citação sobre o Heptateuco de Aelfric.


" Ele parece ter feito esse trabalho com a intenção expressa de capacitar os camponeses a lerem as Escrituras por si mesmos"


Citação de Aelfric sobre ler a Bíblia.


"Feliz é aquele que lê as Escrituras, se converter essas palavras em ação"


Opinião de Mark Walter Teólogo Inglês sobre Aelfric


"Aelfric está entre os primeiros a se destacar individualmente nos registros de contemporâneos como alguém que trabalhou para tornar as Escrituras disponíveis aos estudiosos ingleses em seu idioma materno".


O Teólogo Mark Walter é o autor do Livro Enciclopédia de Fatos da Bíblia da Editora Hagnos. Mark Walter em minha opinião pessoal é um Teólogo por Excelência, praticando a Teologia dos Fatos e não de meras palavras de especulação. Ele procura fazer uma Teologia Imparcial sobre o Fato e isso faz diferença.


11 - Os Evangelhos Ormulum e Atos


No começo do século XIV, ou antes disso, foi escrito uma versão poética dos evangelhos e de Atos dos Apóstolos, acompanhada de um comentário conhecido como Ormulum, obra do monge agostiniano Orm. Fragmentos desse trabalho poético estão preservados na Biblioteca Bodleian, em Oxford.


12 - As Bíblias Posteriores em Inglês


Richard Holle de Hampole


Richard Holle de Hampole traduziu várias partes das Escrituras para o inglês medieval, incluindo um salmo com comentário, o Pai-Nosso e partes do livro de Jó.


13 - John Wycliffe 1320-1384


A primeira tradução da Bíblia foi de responsabilidade de John Wycliffe. John Wycliffe completou a tradução do Novo Testamento em 1380, mas, quando John Wycliffe faleceu, ele ainda não tinha terminado a tradução do Antigo Testamento.

 
A tradução do Antigo Testamento foi concluída por alguns de seus amigos, entre eles está Nicholos de Hereford, e alguns de seus ex-alunos.

 
A tradução de John Wycliffe não foi realizada a partir dos texto original grego e do texto original hebraico; em vez disso, John Wycliffe usou a tradução da Vulgata latina.

 
John Wycliffe traduziu a Bíblia para o idioma inglês tendo como base a Vulgata latina do século IV.

 
Embora John Wycliffe fosse um teólogo tendo sido educado em Oxford , ele não sabia hebraico nem grego, ele não está longe dos teólogos do século 21 onde as matérias de hebraico e grego são matérias a parte de estudo e que não são obrigatória se o aluno não tem interesse. Hoje muitas matérias são especificas visando o interesse do aluno.

 
A obra de John Wycliffe é conhecida como "a tradução de uma tradução". A Bíblia é para todos. John Wycliffe esperava fornecer ao povo de idioma inglês a Bíblia em seu próprio idioma. John Wycliffe acreditava que a Bíblia deveria ser estudada por todos os cristãos.


"Herege"


Em 1414, foi proibida a leitura das Escrituras em inglês. O Concílio de Constância afirmou que John Wycliffe era um herege. Devido a essa afirmação, em 1429 depois da sua morte, John Wycliffe teve os seus ossos exumados, seus restos mortais queimados e suas cinzas lançadas no rio Severn. Citação de John Wycliffe sobre a Bíblia.


"A Bíblia é para o governo do povo, pelo povo e para o povo"
(Citação retirada do prefácio para a tradução da Bíblia de Hereford e Wycliffe.)


Citação de John Wycliffe sobre o estudo da Bíblia.

 
"Os cristãos sendo eles: homens e mulheres, jovens e adultos, devem estudar diligentemente o Novo Testamento, porque o Novo Testamento é totalmente autoritativo e aberto a compreensão de pessoas simples quanto aos pontos essenciais à salvação".
(Citação retirada do livro A Abertura de John Wycliffe.)


14 - John Purvey


A Bíblia de John Wycliffe foi aprimorada pelo trabalho de John Purvey e de seus assistentes ao apresentarem a tradução de John Wycliffe em um estilo de melhor leitura. John Purvey se certificou de que a linguagem utilizada estivesse próximo possível da linguagem da sua época.

 
A tradução da Bíblia de John Wycliffe foi a única tradução que existiu em idioma inglês na Grã-Bretanha até a chegada da tradução da Bíblia em inglês de Willian Tyndale, aproximadamente um século depois. A Bíblia de John Wycliffe foi a primeira Bíblia completa que surgiu na Inglaterra.



15 - A Bíblia de Gutenberg


A primeira máquina de imprensa europeia com tipos móveis mudou o mundo. Citação da revista Life sobre a Bíblia de Gutemberg e sobre a imprensa.


"Esse foi o segundo evento mais importante do segundo milênio".


Esse fato foi de enorme auxilio para a transmissão dos textos bíblicos.


A Bíblia de 42 Linhas


O primeiro livro a ser impresso nesse modo revolucionário foi a Bíblia. Em 1454, Johannes Gutenberg inventou a impressão conhecida como tipo molde e começou a imprimir a Bíblia.
 
 
A Bíblia de Johannes Gutenberg ficou conhecida como a Bíblia de 42 linhas, devido o fato de a maioria de suas paginas conter 42 linhas.
 
 
Essa tradução foi uma tradução latina da Bíblia e foi impressa em três volumes. Quarenta cópias da Bíblia de Johannes Gutenberg de 42 linhas ainda existem.


16 -  Novo Testamento Grego de Erasmo


Em 1514, Erasmo imprimiu seu Novo Testamento grego, considerado extremamente influente em sua época.


Textus Receptus


Erasmo teve como base para a sua tradução grega do Novo Testamento cinco manuscritos gregos, um desses manuscritos tinha a sua datação dos século XII.
 
 
Com pequenas revisões, o Novo Testamento grego de Erasmo veio a ser conhecido como Textus Receptus no idioma latim e Texto Recebido no idioma português.


Novo Testamento Grego e Latino


Em 1516, Erasmo e o tipógrafo e reformista John Froben publicaram seu primeiro Novo Testamento grego e latino. Foi o primeiro texto da Vulgata não latina em um milênio.


17 - Bíblia Poliglota


Em 1522, a Bíblia Poliglota foi publicada. A Bíblia Poliglota consistia no Antigo Testamento em quatro idiomas:

  • Hebraico
  • Aramaico
  • Grego
  • Latim

E no Novo Testamento em dois idiomas:

  • Latim
  • Grego

Erasmo revisou o seu Novo Testamento grego fazendo uso da Bíblia Poliglota. A tradução de Willian Tyndale do Antigo Testamento também fez uso da Bíblia Poliglota.



Frase: Nenhum teólogo é um perfeito mediador entre Deus e o seu povo. Felipe Marques.





ARTIGOS ÚTEIS PARA VOCÊ!
 




ATENÇÃO!


Você que está lendo este artigo agora, quero oferecer a você uma série sobre A VIDA DE JESUS com 12 artigos para você ler e compartilhar com seus amigos, família e todas as pessoas que você conhece e que ainda não conhece Jesus e nem O aceitou como seu único e suficiente Salvador. Ficou interessado (a)? Clique nas opções abaixo do banner e leia todos os artigos de graça.


  
Hey,
 

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed
 
 
Foto: Pixabay
Fonte: Enciclopédia de Fatos da Bíblia Editora Hagnos.
 



  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós, aqui não aceitamos ofensas, preconceito, palavras de ódio e intolerância. Todos os comentários deverão ter nome identificado. Obrigado Por Comentar!.

Copyright © No Teu Altar - 2011 - 2019. Todos os direitos reservados. Web Design: Garota Criativa.