Banner

setembro 05, 2018

A queda do homem - É fato ou mito?




A queda para alguns se refere a algo que aconteceu, para outros a queda se refere a um mito. Minha intenção é explorar esse assunto de maneira que você decida a sua opinião, não tenho nem nunca terei a intenção de colocar dúvidas propositais, para que você após a leitura desse artigo tenha conhecimento sobre o assunto é por si mesmo tire as suas conclusões.

1 - Quem provocou a queda? 


Para responder a essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.1


Ora, a serpente era a mais astuta que todas as alimárias do campo que o Senhor Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?


A queda foi idealizada pela astúcia da serpente. A serpente é representada falando por si mesma, porém o Novo Testamento relata que se referia a Satanás falando através da serpente. Vamos ler o relato bíblico em 2 Coríntios 11.3.
 

Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos e se apartem da simplicidade que há em Cristo.


A serpente conseguiu o seu objetivo, fazer com que Adão e Eva desobedecessem a Deus o seu Criador e se submeteu a criatura. Satanás conseguiu o seu objetivo trazer perversão, pecado, dor, morte e desobediência para um mundo que Deus criou bom. Vamos ler o relato bíblico em Gênesis 1.31.


E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã: o dia sexto.

Quantas pessoas no século 21 valorizam a criatura acima do Criador?


2 - Porque Deus criou as pessoas com a capacidade de pecar?



Para responder a essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.2-3.

E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos, mas do fruto da árvore que está no meio do jardim disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais.

Vamos ler o relato bíblico em 2 Coríntios 11.14

E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.

Satanás procurou colocar dúvidas nos corações das pessoas, através da dúvida as pessoas se afastam da certeza e procuram a incerteza. A astúcia é a habilidade principal de Satanás e através dela as pessoas quando são convencidas por ela se rendem ao erro.


3 - Se Deus as pessoas com capacidade de pecar, qual seria o motivo dessa criação?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.4

Então, a serpente disse á mulher: Certamente não morrereis.

Vamos ler o relato bíblico em Apocalipse 12.9

E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o diabo e Satanás, que engana todo o mundo, ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele.

Deus criou as pessoas para acreditarem em suas palavras como sendo a autoridade, e não autoritária, que estivessem dispostas a obedecer sem questionar em amor, se isso não ocorrer as pessoas continuaram a ser enganadas e trocaram a autoridade pela dúvida, a obedeciam pela desobediência, o crer pelo descrer etc.


4 - Deus poderia ter criado pessoas sem a capacidade de fazer opções?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.5

Porque Deus sabe que, no dia em que dele comerdes, se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.

Deus pode tudo e isso e relatado em Gênesis 18.14

Haveria coisa alguma difícil ao Senhor? Ao tempo determinado, tornarei a ti por este tempo de vida, e Sara terá um filho.

A liberdade ou responsabilidade pessoal é uma percepção que Deus concedeu para as pessoas. Deus concedeu liberdade de pensar, de consciência, de questionamento e até mesmo de desobedecer.


Estudo de Caso

 
Em um acidente de ônibus, o motorista, poderia ter escolhido ter poupado a sua vida pulando pela janela ou pela porta do ônibus, mas decidiu ficar no ônibus e com essa atitude, o motorista salvou a vida dos passageiros do seu ônibus, porém perdeu a sua vida.

 
A empresa que esse motorista trabalhava decidiu fazer um monumento em agradecimento.
Mas esse monumento de agradecimento não foi para homenagear o ônibus, o ônibus somente fez o que o seu maquinário em um todo forçou a fazer.

 
A empresa levantou o monumento em homenagem ao motorista, que de livre ação e espontânea vontade, escolheu dar a sua vida para salvar a vida de seus passageiros.


5 - Deus não sabia de antecedência de que as pessoas pecariam?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.6

E, vendo a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento, tomou de seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.


A resposta para essa pergunta é sim, mas Deus também tinha prévio conhecimento das suas consequências? A resposta para essa pergunta é sim, mas Deus também tinha conhecimento prévio de qual seria o resultado? A resposta para essa pergunta é sim, quando temos conhecimento desses relatos, sofremos e passamos a imaginar porque Deus permitiu isso?
 
 
Entretanto, Deus preparou um dia em que todas as coisas terão um termino, e os nossos sofrimentos e decepções terão cessado e juntamente com os remidos de todas as eras, iremos acrescentar as nossas vozes ás aleluias e a o louvor eterno a Deus por nos ter criado da maneira que Ele nos criou e por nos conduzir para uma vida de alegria, e para a glória nas eras sem fim da eternidade. Vamos ler o relato bíblico em Apocalipse 19.1-8.


1 E, depois, destas coisas, ouvi no céu como que uma grande voz de uma multidão, que dizia: Aleluia! Salvação, e glória e honra, e poder pertencem ao Senhor, nosso Deus,
2 porque verdadeiros e justos são os seus juízos, pois julgou a grande prostituta, que havia corrompido a terra com a sua prostituição, e das mãos dela vingou o sangue dos seus servos.
3 E outra vez disseram: Aleluia! E a fumaça dela sobe para todo o sempre.
4 E os vinte e quatro anciãos e os quatro animais (ou criaturas viventes) prostraram-se e adoraram a Deus, assentado no trono, dizendo: Amém! Aleluia!
5 E saiu uma voz do trono que dizia: Louvai o nosso Deus, vós, todos os seus servos, e vós que o temeis, tanto pequenos como grandes.
6 E ouvi como que a voz de uma grande multidão, e como a voz de muitas águas, e como que a voz de grandes trovões, que dizia: Aleluia! Pois já o Senhor, Deus Todo-Poderoso, reina.
7 Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demo-lhes glória, porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa se aprontou.
8 E foi-lhe dado que se vestisse de linho fino, puro e resplandecente, porque o linho fino são as justiça dos santos.



Baixar e-boom quando Deus nos chama - No Teu altar blog



6 - Quais foram os efeitos da queda?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.14-19

14 Então, o Senhor Deus disse á serpente: Porquanto fizeste isso, maldita serás mais que toda besta e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás e pó comerás todos os dias da tua vida.

15 E porei inimizade entre ti e a mulher e entre a tua semente e a sua semente, esta(em hebraico ele) te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.

16 E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor e a sua conceição, com dor terás filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará.

17 E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti, com dor comerás dela todos os dias da tua vida.

18 Espinhos e cardos também te produzirá, e comerás a erva do campo.

19 No suor do teu rosto, comerás o teu pão, até que te tornes à terra, porque dela foste tomado, porquanto és pó e em pó te tornarás.

Temos nesse relato bíblico uma explicação dos efeitos da queda.

  • (a) Ódio às cobras
  • (b) Dor ao conceber
  • (c) Produção de ervas daninha
  • (d) A vegetação precisa cultivada
  • (e) O descendente da mulher

Devido à queda era necessário sacrifício para expiação dessa queda. Vamos ler o relato bíblico em Gênesis 4.4


E Abel também trouxe dos primogênitos das suas ovelhas e da sua gordura; e atentou o Senhor para Abel e para a sua oferta.


7 - Qual a importância do descendente da mulher na queda?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.15

E porei inimizade entre ti e a mulher e entre a tua semente e a sua semente, esta (em hebraico ele) te ferira a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.


Esse relato bíblico após a Queda se refere a uma profecia feita por Deus de que as pessoas ainda seriam restauradas através do "descendente da mulher". Esse é o primeiro relato bíblico que se refere a um Redentor do futuro.

 
Através do pronome "este" deixa a evidência de que se refere a uma pessoa especifica, e não qualquer pessoa. Na existência humana, a bíblia relata que apenas houve um descendente de Eva que nasceu de uma mulher sem ter o envolvimento do sêmen do homem. Vamos ler o relato bíblico me Lucas 1.30-35.

30 Disse-lhe, então, o anjo: Maria, não temas, porque achaste graça diante de Deus,
31 E eis que conceberás, e darás à luz um filho, e pôr-lhe-às o nome de Jesus.
32 Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai,
33 e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu Reino não terá fim.
34 E disse Maria ao anjo: Como se fará isso, visto que não conheço varão?
35 E respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espirito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra, pelo que também o Santo, que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus.


Temos o relato do inicio da história dos relatos bíblicos uma prefiguração de Jesus Cristo. A partir dos relatos progressivos que constam na Bíblia, essa história se desenvolve e passam a surgir outros indícios, e declarações que se tornam nítidos e de maneira abundante, que quando chegamos ao termino da leitura de todos os relatos bíblicos do Antigo Testamento têm uma completa revelação completa de Jesus Cristo que é o "Messias no Antigo Testamento".


8 - Qual é a importância da mãe da humanidade?


Para responder essa pergunta vamos ler o relato bíblico em Gênesis 3.20


E chamou Adão o nome de sua mulher Eva, (que tem significado duplo: vida ou mãe da vida) porquanto era a mãe de todos os viventes.


A expiação feita por Jesus Cristo foi realizada através da unidade das pessoas em Adão. O pecado de um só homem que se refere a Adão trouxe a morte. A morte de um só homem que se refere a Jesus Cristo trouxe a redenção. Vamos ler o relato bíblico em Romanos 5.12- 21.

12 Pelo que, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também a morte passou a todos os homens, por isso que todos pecaram.
13 Porque até a lei estava o pecado no mundo, mas o pecado não é imputado não havendo lei.
14 No entanto, a morte reinou desde Adão até Moisés, até sobre aqueles que não pecaram à semelhança da transgressão de Adão, o qual é a figura daquele que havia de vir.
15 Mas não é assim o dom gratuito como a ofensa; porque, se, pela ofensa de um, morreram muitos, muito mais a graça de Deus e o dom pela graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou sobre muitos.
16 E não foi assim o dom como ofensa, por um só que pecou; porque o juízo veio de uma só ofensa, na verdade, para condenação, mas o dom gratuito veio de muitas ofensas para justificação.
17 Porque, se, pela ofensa de um só, a morte reinou por esse, muito mais os que receberam a abundância da graça e do dom da justiça reinarão em vida por um só, Jesus Cristo.
18 Pois assim como por uma ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a graça sobre todos os homens para a justificação de vida.
19 Porque, como, pela desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim, pela obediência de um, muitos serão feitos justos.
20 Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse, mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça;
21 para que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reinasse pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo, nosso Senhor.


A história original do jardim do Éden foi relatada por Adão a Matusalém. Matusalém relatou a Noé, e ele relatou aos seus filhos.


9 - A queda em outras tradições



A queda no relato Persa - Nossos primeiros pais, inocentes, virtuosos e felizes, habitavam um jardim onde havia uma árvore de imortalidade, até o momento em que surgiu, em forma de serpente, um espirito maligno.

A queda no relato Hindu -  Na primeira era as pessoas estavam isentas do mal e das enfermidades, possuíam tudo o que desejassem e tinham vida longa.

A queda no relato Grego -  As primeiras pessoas, na idade áurea, viviam nuas, livres do mal e das aflições.

A queda no relato Chinês -  Houve uma era feliz, em que as pessoas tinham alimentos com fartura e viviam cercadas por animais mansos.

A queda nos relatos da Mongólia e Tibetana -  São relatos semelhantes à dos chineses.

A queda nos relatos teutônica -  A raça original desfrutava de uma vida de festividades perpétuas. Nessas culturas os relatos da Queda passaram por diversas modificações.


10 - A queda do homem é um fato ou mito?


Se considerarmos os relatos bíblicos como sendo verdadeiros e inquestionáveis a Queda e um Fato, se consideramos os relatos bíblicos como sendo mentirosos e questionáveis a queda e um Mito.
 
Se considerarmos a os relatos extras bíblicos como sendo verdadeiros e inquestionáveis a Queda e um Fato, se considerarmos os relatos extras bíblicos como sendo questionáveis a Queda e um Mito.
 
O importante que precisa ser dito a nós mesmos é, o que é inquestionável para a minha opinião? Os relatos bíblicos ou os relatos extras bíblicos? Minha fé está em Fatos ou em Mitos?
 
Que esse artigo possa tirar as suas dúvidas até porque, ele foi colocado por Deus em meu coração, para o seu coração para você ser edificado e não desanimado.


Frase: O desejo de agradar a Deus deve superar o desejo de evitar o sofrimento e a rejeição. Felipe Marques.



ARTIGOS ÚTEIS PARA VOCÊ!

 
 




ATENÇÃO!


Você que está lendo este artigo agora, quero oferecer a você uma série sobre A VIDA DE JESUS com 12 artigos para você ler e compartilhar com seus amigos, família e todas as pessoas que você conhece e que ainda não conhece Jesus e nem O aceitou como seu único e suficiente Salvador. Ficou interessado (a)? Clique nas opções abaixo do banner e leia todos os artigos de graça.



  

Hey,
 

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed
 
 
Foto: Jw.org
Tradução Bíblica: (ARC) Almeida Revista Corrigida Editora Sociedade Bíblica do Brasil.
Fonte: Manual Bíblico de Halley


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós, aqui não aceitamos ofensas, preconceito, palavras de ódio e intolerância. Todos os comentários deverão ter nome identificado. Obrigado Por Comentar!.

Copyright © No Teu Altar - 2018. Todos os direitos reservados. Reprodução do conteúdo somente com autorização por escrito. Web Design: Garota Criativa. Inicio NTA