Banner

setembro 22, 2018

15 Exigências Bíblicas para ministros de louvor




Para ser um cantor apenas, basta fazer aulas de canto e se dedicar aos ensaios, mas para ser um ministro de louvor não basta apenas saber cantar e aprimorar seus conhecimentos em canto com aulas e ensaios, precisa se dedicar na leitura da Palavra, vive-la e estar dentro das exigências bíblicas para ser um ministro de louvor aprovado por Deus.

Hoje vamos aprender essas exigências que a Bíblia faz para sermos ministros aprovados por Deus e que a nossa adoração chegue até o Trono de Deus. Nossa adoração não pode ser: Mentirosa, falsa, interesseira, desleixada, vazia, mas sim uma adoração verdadeira, íntegra, sincera, pura, santa, com conteúdo, perfeita e com o coração puro e mãos limpas.
 

1 - O ministro de louvor deve se dedicar à oração

Um ministro de louvor precisa sim ter uma vida de oração, isso não significa que você vai ter que passar o dia todo ajoelhado orando ou até os joelhos criarem bolhas, não! Ter uma vida de oração vai muito além das orações que você faz como: Orar para comer, sair de casa, dormir, eu digo que isso é o trivial da vida de qualquer pessoa que crê em Deus e que necessita de sua ajuda e que é grato a Ele por tudo o que Ele faz por nós.

 
Uma vida de oração é separar um momento do seu dia todos os dias (não importa o horário), em que você entra no seu lugar secreto (seu quarto ou qualquer outro lugar privativo) e passe um tempo falando com Deus, adorando através da oração, comtemplando a sua face e se humilhando perante o seu Criador.

 
É ter intimidade com Ele, e este tempo não importa se é dez minutos, vinte minutos, meia hora ou uma hora, o importante é você desejar estar na Presença do Pai em intimidade e comunhão. Adoração individual, pois na igreja não tem como você fazer isso, pois lá tem toda uma programação, tempo limitado para tudo. Adorar em comunidade é bom, mas sozinho é melhor ainda.


Orai sem cessar. 1 Tessalonicenses 5.17


2 - O ministro de louvor deve ser um obreiro aprovado


Ser obreiro aprovado é ser alguém que anda segundo a vontade de Deus e obedece seus mandamentos, é alguém que já renunciou o velho (a) homem/mulher, que agora a sua preocupação maior é agradar ao Senhor, estudar a Palavra de Deus e vive-la. A maior pregação é a nossa vida, nossas atitudes, nossa maneira de viver.

 
Engana-se quem pensa que para ser aprovado por Deus deve estar em todos os cultos e fazer exatamente o que o pastor manda, isso é agradar aos homens que enxerga apenas o exterior. Tenha uma vida dedicada a Deus, viva em obediência a Sua Palavra e seja aprovado (a)!


Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. 2 Timóteo 2.15


3 - O ministro de louvor deve ser escolhido por Deus

Sim, deve ser escolhido por Deus. Deve ser alguém que tem o chamado e o dom de ministrar o louvor. Geralmente essas pessoas já nasce com dom de tocar um instrumento sem alguém ensinar, já nascem cantores, eles apenas precisam se lapidar estudando, é como um diamante bruto nas mãos do lapidador.

 
Se você não tem o dom de ministrar o louvor e cantar direitinho, você percebeu que a música não é o seu forte, então não insista nisso, invista naquilo que Deus te chamou. Quando somos escolhidos para uma missão, temos um chamado para louvar, ministrar a palavra, ensinar, interceder, temos que levar a sério esse chamado, não ignorar e muito menos demonstrar insatisfação pela determinação de Deus em nossas vidas.

 
Deus escolhe aqueles que já tem em seu coração o desejo ardente de adorar e que vive a adoração dia a dia. Receba esse chamado com alegria e amor, peça capacitação e dedique-se.


Porém agora não subsistirá o teu reino; já tem buscado o Senhor para si um homem segundo o seu coração, e já lhe tem ordenado o Senhor, que seja capitão sobre o seu povo, porquanto não guardaste o que o Senhor te ordenou. 1 Samuel 13.14


Porém o Senhor disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coração. 1 Samuel 16.7


4 - O ministro de louvor deve ser verdadeiro adorador


Um ministro dever ser alguém que adora em verdade, que não oferece uma adoração fingida, um verdadeiro adorador reconhece a soberania de Deus e entrega a mais perfeita adoração que vem do coração, que é genuíno, santo, onde há entrega verdadeira não apenas de palavras, mas de ações também, que tem um coração segundo o coração de Deus, que obedece seus mandamentos e a Sua Palavra, que não se deixa ser levado pelas circunstâncias ruins, mesmo preso, no fundo do poço, ele adora.

 
O verdadeiro adorador não adora a Deus pelo o que Ele tem a oferecer, mas adora pelo o que Deus é, pela sua Grandeza, Glória, Majestade e Santidade. O verdadeiro adorador não adora apenas quando a igreja está lotada, ele adora quando tem poucas pessoas, sozinho, em qualquer lugar e em qualquer circunstâncias. Ele glorifica a Deus pelo o que comer e também pelo o que não tem para comer, porque ele sabe que a sua vida não pertence a ele mesmo, mas a Deus.


Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. João 4.23-24


E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam. E de repente sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos. Atos 16.25-26


5 - O ministro de louvor deve ter um coração quebrantado e um espírito contrito


Quebrantado significa enfraquecido, abatido, sem forças. Um coração quebrantado é um coração que não está endurecido, que foi transformado por Deus. Um espírito contrito é o arrependimento sincero e completo dos pecados cometidos. É uma pessoa arrependida, ela está contrita.

 
O ministro de louvor precisa deste quebrantamento e desta constrição. É sentir pesar e arrependimento todos os dias pelos seus pecados, por ter desagradado a Deus, ter desobedecido, não ter tido forças o suficiente para fugir do pecado. Fugir do orgulho, da vaidade, da altivez e se humilhar na presença de Deus com coração quebrantado e um espirito contrito.


Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus. Salmos 51.17


Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado, e salva os contritos de espírito. Salmos 34:18


6 - O ministro de louvor deve colocar Deus em primeiro lugar


Um ministro de louvor deve priorizar o Reino de Deus e a sua vontade. É ter no coração o desejo genuíno em agradar a Deus, priorizando-o em sua vida, em suas escolhas e o colocando em primeiro lugar no seu coração. Essa priorização é demonstrada através das escolhas que você faz, a obediência e da disposição que você tem em busca-lo e fazer a sua vontade.


Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Mateus 6.33


Faça Download deste ebook Bem aventurados - Mais do que feliz!


7 - O ministro de louvor deve estar sensível à voz do Espírito Santo


Para estar sensível a voz do Espírito Santo é necessário que tenha o coração aberto para Ele. É preciso buscar o Espírito Santo, pois somente Ele te guiará pelo caminho certo te orientando o que se deve fazer, te moldando, te levando a reconhecer seu pecado, se arrepender e abandonar o pecado. Você precisa desejar ser cheio dele, ter seus dons e frutos, só assim sua adoração será perfeita se for guiada pelo Espírito.

 
O ministro de louvor precisa ser desprendido da religiosidade, das regras impostas por homens, ter a mente e o coração aberto para a voz de Deus e a sua Palavra. Você ministro respeita seu pastor, mas somente obedece a lei dos homens se essa estiver de acordo com a lei de Deus.


Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito. Gálatas 5:25
 
E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis. Romanos 8:26
 
O Espírito do Senhor Jeová está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos e a abertura de prisão aos presos. Isaías 61:1
 
Porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de Deus. Romanos 8:14


8 - O ministro de louvor deve buscar inspiração em Deus

Não há nada mais triste que um ministro sem inspiração, parece que a alma dele foi embora de seu corpo, não há vida. Um ministro de louvor precisa buscar inspiração musical e para ministrar também, para que Ele dê as palavras certas no momento da adoração. A inspiração é buscada e encontrada através da oração, da leitura da Bíblia.


Assim os cantores como os tocadores de instrumentos estarão lá; todas as minhas fontes estão em ti. Salmos 87.7


9 - O ministro de louvor deve louva-lo continuamente em seu coração


Um ministro de louvor não adora somente no culto, mas o tempo todo onde ele estiver. Continuamente o louvor e a adoração está em seus lábios e coração. Ele louva a Deus cantando, dizendo palavras que O exaltam e que Glorificam. O seu coração transborda adoração, pois até quando seus lábios descansam de dizer palavras o seu coração bate forte pelo Amado de sua Alma. Ele tem desejo e ama adorar a Deus, pois é o mínimo que pode fazer por Aquele que sempre nos Amou Incondicionalmente.

Louvarei ao SENHOR em todo o tempo; o seu louvor estará continuamente na minha boca. A minha alma se gloriará no Senhor; os mansos o ouvirão e se alegrarão. Engrandecei ao Senhor comigo; e juntos exaltemos o seu nome. Salmos 34.1-3


10 - O ministro de louvor deve ser guiado pelo Espírito Santo


Um ministro que quer andar em seus próprios passos, trilhando seus próprios caminhos, andando na sua incerteza do achismo, terá um fim bem trágico e não alcançará excelência na ministração e nem os corações de quem o ouve.

 
Somente o Espírito Santo de Deus sabe para onde devemos ir, qual caminho trilhar, e quais palavras falar na hora de louvar e ministrar. É Ele que nos guia em toda a verdade de Cristo.


16 Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.
17 Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis.
18 Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.
19 Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, fornicação, impureza, lascívia,
20 Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,
21 Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.
22 Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.
23 Contra estas coisas não há lei.
24 E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.
25 Se vivemos em Espírito, andemos também em Espírito.
26 Não sejamos cobiçosos de vanglórias, irritando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros. Gálatas 5.16-26


11 - O ministro de louvor deve ser corajoso

Somos atacados o tempo todo pelo inimigo de nossas almas, um ministro de louvor tem uma responsabilidade enorme nas mãos e precisamos estar vigilante, atento e vestir a armadura de Deus para resistir a tentação. Estar sempre em jejum e oração para que Deus te dê forças e assim você prevaleça diante de uma circunstância terrível, precisa estar preparado para uma guerra e sair dela vencedor pelo poder de Jesus.

Leia => #6 Atos de Adoração na Guerra


10 No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.
11 Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo.
12 Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.
13 Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes.
14 Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça;
15 E calçados os pés na preparação do evangelho da paz;
16 Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno.
17 Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;
18 Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos, Efésios 6.10-18


12 - O ministro de louvor deve amar a casa de Deus


Davi amava estar na Casa de Deus e se alegrava quando estava a caminho do Templo. É na Casa de Deus que temos consolo, perdão, refúgio, abrigo, comida, conforto, é a Casa do nosso Pai, a Casa onde os filhos são bem vindos.

 
Muitos hoje estão deixando de estar na Casa de Deus com desculpa de que lá só tem gente hipócrita e mentirosa, generaliza colocando a culpa em todos pelas coisas ou maldades que fizeram a ele (a) por uma ou duas pessoas não convertidas que estão lá para atrapalhar e fazer volume.

 
Na Casa do Pai é um lugar onde descansamos nossas mentes de preocupações e corações de mágoas e sentimentos ruins. É um lugar onde deleitamos e adoramos a Ele sem reservas com todo o nosso ser, com tudo o que somos. Um ministro de louvor precisa amar estar na Casa do Pai adorando com todo o coração, corpo, alma e espírito. Um lugar onde podemos fazer coisas que em nossa casa não podemos fazer: Entrega em adoração sem reservas.


Alegrei-me quando me disseram: Vamos à casa do Senhor. Salmos 122.1
 
Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor. 1 Coríntios 15.58


13 - O ministro de louvor deve estar pronto para servir


Servir não somente a Deus obedecendo seus mandamentos e fazendo a Sua vontade, mas servir a igreja também com seus dons e talentos que Deus te deu. Ajudar naquilo que te solicitam. Não deixe a soberba e o orgulho entrar no seu coração se achando o último hambúrguer no meio do deserto só porque você canta no grupo de louvor da igreja. Não fique se gabando se achando o rei ou a rainha do pedaço, você foi chamado (a) para servir e não para reinar.

 
Ajude no que for preciso. Alimente um mendigo, limpe a Casa de Deus, organize, ajude um senhor (a) de idade avançada, converse e inclui todos nas atividades, ajude a distribuir coisas, faça e receba doações, ore por alguém, não faça acepção de pessoas, converse com elas e trate todas iguais independente da cor da pele, da raça, etnia, idioma, se é pobre ou rico, se é saudável ou doente. Aprenda a ser ministro e a servir com o Maior Ministro e Servo de todos os tempos - JESUS!


Mas não sereis vós assim; antes o maior entre vós seja como o menor; e quem governa como quem serve. Pois qual é maior: quem está à mesa, ou quem serve? Porventura não é quem está à mesa? Eu, porém, entre vós sou como aquele que serve. Lucas 22.26-27


14 - O ministro de louvor deve ser cheio de unção


Engana-se você que acha que unção é viver arrepiado com a Presença de Deus e falar língua estranha o tempo todo. A unção de Deus é a capacitação, consagração que Deus dá a todo cristão para O servir. A unção de Deus nos santifica, purificando-nos do pecado. A unção é sinal de dedicação a Deus.

 
Quando você é ungido por Deus, você está separado, santificado, consagrado e preparado para cumprir aquela função em específico. A unção de Deus sobre você te separa do mundo e do pecado, na qual você passa a viver em santidade e santificação diário firmando um compromisso com Deus e assim o Espírito Santo de Deus age na igreja através da sua nova postura diante de Deus.

 
Para ser ministro de louvor você precisa ser separado, ungido e santificado por Deus. Ministrar o louvor na Casa de Deus não é para todos e nem de qualquer jeito, até os escolhidos para essa missão precisa viver uma vida consagrada a Deus, fugindo do pecado, se preparando diariamente para isso.


Mas vocês têm uma unção que procede do Santo e todos vocês têm conhecimento. 1 João 2:20
 
Quanto a vocês, a unção que receberam dele permanece em vocês, e não precisam que alguém os ensine; mas, como a unção dele recebida, que é verdadeira e não falsa, os ensina acerca de todas as coisas, permaneçam nele como ele os ensinou. 1 João 2:27
 
O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos; Isaías 61.1


15 - O ministro de louvor deve humilde

A humildade deve ser uns dos caráteres de um ministro de louvor. Deve ser humilde para reconhecer que ninguém nasce sabendo e que o aprendizado é diário e contínuo. Ter humildade para reconhecer e confessar erros, pedir perdão e perdoar. Reconheça seu estado humano miserável e que sem Jesus você não é nada e ninguém.



Agora, pois, ó Senhor meu Deus, tu fizeste reinar a teu servo em lugar de Davi meu pai; e sou apenas um menino pequeno; não sei como sair, nem como entrar. 1 Reis 3.7
 
Bem-aventurados os humildes, pois eles receberão a terra por herança. Mateus 5:5
 
Nada façam por ambição egoísta ou por vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a vocês mesmos. Filipenses 2:3
 
Tenham uma mesma atitude uns para com os outros. Não sejam orgulhosos, mas estejam dispostos a associar-se a pessoas de posição inferior. Não sejam sábios aos seus próprios olhos. Romanos 12:16
 
Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido. 1 Pedro 5:6


15 - O ministro de louvor deve fazer discípulos


Um ministro de louvor deve estar disposto a compartilhar com outros o que sabe, ensinar o ofício da adoração e da ministração, ensinar a Palavra de Deus, como um cristão verdadeiro, ter compromisso com Deus entre outras coisas.
 
Você deve deixar um legado e pessoas capacitadas para continuar o que você faz, para a igreja não ficar desfalcada de ministros caso você mude de país, de cidade, tenha que se ausentar por motivo de doença ou morrer. Nossa existência carnal não é eterna nesta terra.

Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. Amém. Mateus 28:19-20



ARTIGOS ÚTEIS PARA VOCÊ!

 
 




ATENÇÃO!


Você que está lendo este artigo agora, quero oferecer a você uma série sobre A VIDA DE JESUS com 12 artigos para você ler e compartilhar com seus amigos, família e todas as pessoas que você conhece e que ainda não conhece Jesus e nem O aceitou como seu único e suficiente Salvador. Ficou interessado (a)? Clique nas opções abaixo do banner e leia todos os artigos de graça.


  

Hey,
 

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed
 
 
Foto: Pixabay
Tradução Bíblica: ARC - Almeida Corrigida Fiel


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós, aqui não aceitamos ofensas, preconceito, palavras de ódio e intolerância. Todos os comentários deverão ter nome identificado. Obrigado Por Comentar!.

Copyright © No Teu Altar - 2018. Todos os direitos reservados. Reprodução do conteúdo somente com autorização por escrito. Web Design: Garota Criativa. Inicio NTA