Banner

junho 19, 2018

Tradução da Fé




A importância que C.S. Lewis dava ao tema relacionado "tradução da fé" deve ser considerado e levado a sério pelos apologetas do século 21. Argumento de C.S. Lewis sobre "tradução da fé".

 
Temos de aprender a linguagem do nosso público. Quero deixar claro desde o início que de nada adianta estabelecer a priori o que o "homem simples" entende ou deixar de entender.

Você precisa traduzir sua teologia, parte por parte, em linguagem acessível. Cheguei á conclusão de que, se não puder traduzir seus pensamentos em linguagem comum, sem sofisticação, então é porque seus pensamentos são confusos.

 
Ser capaz de traduzi-los é um teste: mostra que você realmente compreendeu o significado deles. A principal pergunta é em que medida transmitiu com fidelidade e eficácia a fé cristã para uma cultura que tem dificuldade em compreender os termos e os conceitos tradicionais do cristianismo.

 
Todos os cristãos precisam ser capazes de expor e explicar a profunda atração do evangelho para a cultura do século 21, usando para isso linguagens e imagens que lhe sejam acessíveis e que possam compreender.

 
Não foi por acaso que Jesus Cristo utilizou parábolas para ensinar a respeito do reino de Deus. Jesus Cristo usava linguagem e imagens conhecidas da cultura rural da Palestina de sua época para falar as verdades espirituais mais profundas. Vamos ler o relato bíblico em Mateus 13.3.


E de muitas coisas lhes falou por parábolas e dizia: Eis que o semeador saiu a semear.


Partindo dos ensinamentos de Jesus Cristo e de sua linguagem e seu uso de imagens em relação a aprendizagem e transmissão de verdades espirituais, de que modo, podemos traduzir ideias fundamentais da fé cristã?

 
Quero citar um exemplo: como podemos explicar o termo redenção e o termo salvação em uma linguagem acessível para a cultura do século 21? Para isso acontecer os termos bíblicos redenção e salvação precisam ser explicados e interpretados para encontrar eco no coração e na mente das pessoas do século 21. Quero citar um exemplo para deixar claro o meu argumento. Vamos ler o relato bíblico em Romanos 5.1.


Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.


Paulo afirma que "justificados pela fé, temos paz com Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo" essa afirmação se refere a um elemento fundamental do evangelho cristão, entretanto, essa afirmação não será entendida pelas pessoas do século 21, as quais provavelmente interpretarão de forma equivocada o conceito central de " justificação " ao qual Paulo se referiu e entenderão de uma destas duas maneiras.

Maneira de entendimento 1


Uma defesa de nossa integridade ou "justiça", como quando afirmamos: "Apresentei aos meus alunos uma justificação das minhas ações". O termo "justiça" está  relacionado com a tentativa de mostrar que o professor está certo.


Maneira de entendimento 2


O uso do alinhamento do texto nas margens esquerda e direita de um documento, para que todas as linhas tenham tamanho igual, principalmente quando fazemos uso de um processador de texto. O termo "justiça" está relacionado com o ato de alinhar dessa forma as margens irregulares de um texto.

 
Evidentemente nenhuma dessas duas opções esclarece de maneira efetiva o sentido pretendido por Paulo escrito em Romano 5.1, na verdade, podemos dizer que ambas as definições provavelmente deixarão as pessoas confusas em relação às intenções e preocupações de Paulo.

 
A idéia relatada por Paulo sobre a justificação requer uma explicação fiel á sua intenção original e inteligente aos diferentes públicos do século 21.

 
Quero citar outro exemplo, podemos falar inicialmente sobre o que significa o termo " ter as contas acertadas " com Deus, permitindo que sejam explorados os aspectos relacionados quanto aos termos judiciais sobre o conceito de justificação.


Como já foi relatado, torna-se evidente que a apologética se preocupa com três temas, cada um desses temas traz um aprofundamento de nossa fé pessoal e uma qualidade ao nosso testemunho em relação à tradução da fé.


Aprofundamento na tradução da fé 1


Identificar as objeções ou as dificuldades relativas ao evangelho e apresentar as respectivas respostas e também contribuir para que essas objeções e dificuldades sejam vencidas pela fé.


Aprofundamento na tradução da fé 2


Falar com entusiasmo e admiração que somente a fé cristã proporciona, de tal maneira que o seu potencial de mudar a situação das pessoas seja devidamente apreciada.


Aprofundamento na tradução da fé 3


Traduzir as ideias fundamentais da fé cristã em uma linguagem inteligente para os que não creem.


Frase: Procure sempre comparar o que você ouve sobre a Bíblia com o que está escrito na Bíblia. Felipe Marques.





ARTIGOS ÚTEIS PARA VOCÊ!

- A Bíblia e as Bibliotecas
- A Formação do Antigo e do Novo Testamento
- 17 Exemplos de liderança de Jesus
- Você sabe o que é Adoração?
- Apreciando o evangelho
- Deus de contratos?
- #8 Focos de adoração nos livros de 1 e 2 Samuel
- O que é uma oração perseverante?
- Vencendo as provações da minha vida
- Crer ou Duvidar




ATENÇÃO!


Você que está lendo este artigo agora, quero oferecer a você uma série sobre A VIDA DE JESUS com 12 artigos para você ler e compartilhar com seus amigos, família e todas as pessoas que você conhece e que ainda não conhece Jesus e nem O aceitou como seu único e suficiente Salvador. Ficou interessado (a)? Clique nas opções abaixo do banner e leia todos os artigos de graça.






Hey,
 

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed
 
 
Foto: Pixabay
Tradução Bíblica: (ARA) Almeida Revista Atualizada Editora Sociedade Bíblica do Brasil.
Fonte: Inspirado no Livro Apologética Pura e Simples.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós, aqui não aceitamos ofensas, preconceito, palavras de ódio e intolerância. Todos os comentários deverão ter nome identificado. Obrigado Por Comentar!.

Copyright © No Teu Altar - 2018. Todos os direitos reservados. Reprodução do conteúdo somente com autorização por escrito. Web Design: Garota Criativa. Inicio NTA