setembro 30, 2017

Como a Bíblia foi escrita?

 
 
 
 
Que todo mundo sabe que a Bíblia é o livro mais antigo do mundo, isso é fato, mas será que todos sabem como ela foi escrita? Quais os materiais usados? Tipos de tinta? Então hoje você vai conhecer sobre esse assunto.
 
 
Já trazemos vários posts aqui sobre a Bíblia e dicas sobre ela, mas como ela foi elaborada é a primeira vez. Para o leitor da Bíblia e estudante da mesma, é muito importante saber esses detalhes e toda a história da maior biblioteca do mundo - que é a Bíblia, esse livro fantástico e mais antigo do mundo.
 
Abaixo, falaremos sobre os materiais usados para a escrita da Bíblia. É importante também, você anotar em um caderno essas dicas e informações valiosas, para o enriquecimento de seus conhecimentos. A Teologia é assim, você aprende a Bíblia e a história dela, como surgiu, quem escreveu, materiais usados entre outras informações. Veja abaixo os #9 materiais usados para escrever e construir a Bíblia.
 
 
 

 
#1 PAPIRO
 



O uso  do papiro como material de escrita, originou-se no Egito e já se descobriu vestígios de mais de 2.500 anos atrás. Nos dias do Novo Testamento, o papiro, ainda era o material de escrita mais comum. O "papel" de papiro era produzido a partir da planta egípcia papiro.


Camadas finas do caule da planta papiro, eram cortadas e colocadas lado a lado, para que uma se sobrepusesse á outra. Uma segunda camada similar era posta de atravessado sobre a primeira; as folhas de "papel" eram feitas ao pressionar e colar as camadas de papiro umas contra as outras.


O papel de papiro era durável, mas não tanto quanto o pergaminho. Os manuscritos de papiro eram enrolados horizontalmente, e não verticalmente. Eles mediam cerca de 25 centímetro de altura e 10 metros de comprimento. No manuscrito, o texto era escrito em colunas de aproximadamente 7 centímetros cada, e apenas 1,5 centímetro distantes umas das outras.


Geralmente, o texto estava em apenas um lado do manuscrito, mas há uma exceção em relação a isso, que é citada em Apocalipse 5:1 "Vi, na mão direita daquele que estava sentado no trono, um livro escrito por dentro e por fora, de todo selado com sete selos".



 
#2 VELO E PERGAMINHO
 



As peles de animais usadas como material de escrita, são conhecidos como velo e pergaminho. Alguns manuscritos de couro ainda existem e datam de 1.500 a.C. As peles de animais eram primeiramente mergulhadas em água de cal para que todo o pelo que havia nelas pudesse ser removido.


Após a secagem, eram polidas com pedra-pomes. O velo se refere ás peles de animais de melhor qualidade e vinha dos bezerros, enquanto o pergaminho se refere a todas as outras peles de animais usadas na fabricação do papel, como peles de touros e bodes. Essas peles eram de qualidade inferior ao velo.


O papiro foi substituído pelo velo no século IV (século quatro), pois não possuía uma boa durabilidade. Caso o papiro esteja muito seco, pode rachar e se desintegrar, sendo assim, não é de se surpreender que não tenhamos cópias completas nem aproximadas da Bíblia antes do século IV. Entretanto, os fragmentos mais antigos do Novo Testamento são de papiro.



 

#3 CANETAS


 

As canetas eram feitas de cana seca cortada e, em seguida era cuidadosamente talhada na extremidade. Com o decorrer do tempo, as penas de plumas de aves substituíram as canetas de cana.


 

#4 DOS MANUSCRITOS AOS LIVROS
 
 

 

Nos tempos do Antigo Testamento e do Novo Testamento, o papel de papiro era transformado em manuscritos ao unir as folhas de papiro umas as outras. Com o decorrer do tempo, as folhas de papiro foram usadas em formato de livro, quando os livros substituíram os manuscritos.


a) Manuscritos: Os manuscritos, eram também conhecidos como " rolos ", eram longas folhas de papiro ou velo, nos quais se escrevia apenas de um lado, antes de serem enrolados e guardados.
 

b) Códice: Um códice era feito de folhas de papiro ou velo, escrita em ambos os lados que em seguida, eram unidas em formato de livro.



 

#5 AUTÓGRAFOS
 
 
 

 

Os autógrafos, são textos originais que foram escritos pelo autor ou por um escriba através da orientação pessoal do  autor. O apóstolo Paulo, na maioria das vezes, "ditava" suas cartas e, algumas vezes incluía algumas frases de próprio punho ao termino de uma carta. Filemom versículo 19 "Eu, Paulo, de próprio punho, o escrevo: Eu pagarei para não te alegar que também tu me deves até a ti mesmo".





VEJA TAMBÉM...

- 5 maneiras para entender a Bíblia
- Porque não consigo entender a Bíblia?
- Existe diferença entre a Bíblia e um livro de auto ajuda?
- A Bíblia é a Palavra de Deus?
- Você sabe o significado dos números na Bíblia?
- 6 motivos para ler a Bíblia




 

#6 MANUSCRITOS
 
 
 

Os manuscritos não representam autógrafos originais. Os manuscritos poderiam ser cópias e , na maioria eram cópias de cópias. Até a primeira impressão da Bíblia em latim em 1456 por Gutenberg, todos os manuscritos eram copiados á mão em papiro, pergaminho e papel.

 


 
#7 VERSÕES ANTIGAS
 
 


 

As antigas versões da Bíblia se referem ás traduções da Bíblia para outros idiomas antigos, como por exemplo o latim, cóptico, siríaco e armênio.

 
a) Traduções: Quando a Bíblia é traduzida em um idioma diferente, essa tradução é feita a partir do original do idioma hebraico e grego. Entretanto, algumas traduções do passado, foram feitas através de uma tradução anterior. A primeira Bíblia traduzida para o inglês, foi feita por John Wycliffe em 1380, essa tradução foi preparada tendo como base a Vulgata latina.


 
#8 EDIÇÕES IMPRESSAS



 

Edições impressas da Bíblia, assim como de muitos livros, referem-se às cópias impressas que seriam feitas após a invenção da imprensa por Johannes Gutenberg em 1456.


 

#9 TIPOS DE ESCRITA


 
a) Maiúscula: As maiúsculas são um tipo de estilo no sistema de escrita. As maiúsculas também são conhecidas como "caixa-alta" e as minúsculas como "caixa-baixa". Os primeiros manuscritos usavam letras maiúsculas e geralmente as letras eram TODASMAIÚSCULAS e SEMPONTUAÇÃO NEMESPAÇOENTREASPALAVRAS (pessoal e desse jeito mesmo a escrita, não é nenhum erro do idioma Português).
 

b) Minúscula: Os últimos manuscritos foram escritos em letras pequenas (caixa-baixa), e havia pontuação e espaço entre as palavras. Quando a escrita cursiva se tornou popular, as maiúsculas mais difíceis valia-se das menores. A escrita cursiva, é o nome que se dá a qualquer estilo de escrita manual, projetada para a agilidade na escrita.


Nos idiomas que utilizam os alfabetos latino e cirílico as letras das palavras são geralmente ligadas umas ás outras, o que permite que a palavra inteira seja escrita com um único traço.



Frase: Millard Burrowns. A verdade essencial e a vontade de Deus revelada na Bíblia foram preservadas imutáveis por meio de todos os decursos na transmissão do texto.
 

 
Hey,

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed




 
Foto: Google e Pixabay
Fonte: Enciclopédia de Fatos da Bíblia Editora Hagnos.
Texto Bíblico: Almeida Revista e Atualizada Editora Sociedade Bíblica do Brasil.
Escritas Pedagógicas: Matéria escrita na revista Escola Editora Abril.
Frase: Extraída do Livro Enciclopédia de Fatos da Bíblia Editora Hagnos.



 

 

2 comentários

Djalma Moura Blog disse...

Muito instrutivo!!!
Gostei!!!

No Teu Altar Ministério disse...

Que bom que gostou Djalma, espero que este artigo tenha sido útil e relevante para sua vida. Deus abençoe você e seja bem-vindo aqui ;)

© No Teu Altar - 2017. Todos os direitos reservados. Reprodução do conteúdo somente com autorização por escrito. Web Design: Garota Criativa. Inicio NTA