julho 29, 2017

Perigos espirituais, como vence-los

 
 

No artigo de hoje ainda sobre Teologia Simples, vamos abordar o assunto sobre os Perigos espirituais, e vamos ver mais abaixo uma dica simples de como vence-los.
 
 
Todos nós passamos por problemas na vida e espirituais também. Veremos o exemplo de Isaque e Rebeca quando foram para uma cidade chamada Gerar. Os perigos espirituais foram reais em suas vidas, mas Deus entrou com providência. Veja abaixo o Texto para melhor compreensão.


Vamos ler Gênesis 26.1-11 "Sobrevindo fome á terra, além da primeira havida nos dias de Abraão, foi Isaque a Gerar, avistar-se com Abimeleque, rei dos filisteus. Apareceu-lhe o Senhor e disse: Não desça ao Egito. Fica na terra que eu te disser, habita nela, e serei contigo e te abençoarei, porque a ti e a tua descendência darei todas estas terras e confirmarei o juramento que fiz a Abraão, teu pai. Multiplicarei a tua descendência como as estrelas dos céus e lhe darei todas estas terras.

Na tua descendência serão abençoadas todas as nações da terra, porque Abraão obedeceu á minha palavra e guardou os meus mandados, os meus preceitos, os meus estatutos, e as minhas leis. Isaque, pois, ficou em Gerar. Perguntando -lhe os homens daquele lugar a respeito de sua mulher, disse: É minha irmã, pois temia dizer: É minha mulher, para que, dizia ele consigo, os homens do lugar não me matem por amor de Rebeca, porque era formosa de aparência.

Ora, tendo Isaque permanecido ali por muito tempo, Abimeleque, rei dos filisteus, olhando da janela, viu que Isaque acariciava a Rebeca, sua mulher. Então, Abimeleque chamou a Isaque e lhe disse: É evidente que ela é tua esposa, como, pois, disseste: É minha irmã? Respondeu-lhe Isaque: Porque eu dizia: para que eu não morra por causa dela. Disse Abimeleque: Que é isso que nos fizeste? Facilmente algum do povo teria abusado de tua mulher, e tu, atraído sobre nós grave delito. E deu esta ordem a todo povo: Qualquer que tocar a este homem ou á sua mulher certamente morrerá."

 

Perigos sempre cercarão aqueles que estarão dispostos a servir a Deus, mas é importante ressaltar que Deus permite que os perigos sejam eles espirituais ou não, venham em nossa vida para dois motivos:

 
1- ou ficamos de uma vez por todas na vontade de Deus
2-ou fazemos a nossa vontade e arcamos com as consequência.
 
 
A vida de Isaque não estava fácil, pois havia uma fome na terra, e a fome força as pessoas  a tomarem atitudes, ou se permitem morrer por causas dela, ou lutam para vence-la. Isaque, optou por lutar contra a fome, e essa atitude de Isaque agradou a Deus. Deus então aparece para Isaque esse texto bíblico não diz se Deus apareceu em teofania (termo teológico que define Deus em aparições de forma humana).
 
 
O importante é que Deus apareceu para Isaque e lhe orientou sobre quais atitudes, ele deveria tomar para vencer os perigos espirituais de sua vida. Devido a essa fome Isaque foi morar na cidade chamada Gerar, uma cidade dos filisteus que tinha um rei com um nome chamado Abimeleque; Embora Abimeleque não seja um nome mas sim um titulo de dinastia que os reis dos filisteus se auto se dominavam.

 
Deus então orienta Isaque e diz para ele não descer para o Egito, porque Deus proibiu Isaque de descer para o Egito? Porque o Egito também estava enfrentando a fome, ou seja, ir para o Egito não resolveria o problema de Isaque, então o que resolveria o problema de Isaque? Ele iria habitar em Gerar, habitando nessa cidade Deus estaria com ele mas se ele fosse para o Egito, Deus permitiria que ele arcasse com suas escolhas.
 
 
Deus disse para Isaque que seria com ele, que abençoaria  devidos a aliança de Deus fez com seu pai Abraão e se ele, Isaque também obedecesse a aliança que Deus fez com ele, Deus também o honraria. Isaque fez o certo foi morar na cidade de Gerar. Quando chegou na cidade de Gerar, Isaque passou por um perigo espiritual, os homens da cidade perguntaram se Rebeca era sua mulher, e ele Isaque disse que não, que Rebeca era sua irmã, ele disse isso com medo de dizer que Rebeca era sua mulher, porque ele temia que fosse morto para que os homens daquela cidade se casassem com Rebeca, caso ele dissesse que Rebeca era sua mulher, o rei Abimeleque poderia mata- lo, e fazer de Rebeca uma de suas esposas ou concubinas para o seu harém. Isaque estava em uma situação complicada.
Isaque não confiou no cuidado de Deus na prática e quase acabou morto e sua esposa poderia se tornar uma concubina do rei Abimeleque contra a sua própria vontade. Infelizmente quando uma pessoa não confia no que Deus diz para ela e pratica, a tendência dessa pessoa é sempre passar vergonha, e foi exatamente isso que Deus permitiu na vida de Isaque e na vida de todo aquele que não confia nas suas orientações.
 
 
Sendo o tempo um fator determinante para se conhecer algo, ou alguém, o tempo também é o senhor da razão. Isaque se esqueceu de manter distância de sua bela esposa, e de ter um relacionamento amigável com ela, quando em um dia qualquer, Abimeleque estava olhando a vista do seu reino pela janela do seu palácio, e viu Isaque acariciando Rebeca, o termo acariciar na Bíblia está ligando a uma relação de intimidade que somente o casamento pode trazer para um casal. Como alguns dizem: caiu a casa de Isaque.
 
 
Abimeleque manda chamar a Isaque e de imediato diz para ele: É evidente que ela é sua esposa, como pois, disseste: É minha irmã. Ou seja o rei ficou furioso, porque Isaque mentiu para ele, e quem mentia para o rei pagava com a própria vida, e sua esposa passaria a ser concubina do rei. Que situação Isaque colocou Rebeca. Quantos maridos, noivos e namorados colocam suas companheiras em situações constrangedoras sem elas estarem cientes?
 
 
Isaque disse ao rei Abimeleque que não queria morrer por causa dela. A desculpa de Isaque não funcionou com Abimeleque e Isaque saiu envergonhado mais uma vez. Abimeleque disse para Isaque que se algum homem tivesse relação sexual com sua esposa, ele traria um grave delito sobre o povo de Gerar.


O que Isaque não entendeu é que quando Deus fala ele cumpre com a sua palavra, ao contrario dos homens que nem sempre cumpre com a sua palavra. Os moradores de Gerar e o rei Abimeleque respeitavam o casamento, Isaque não precisava ter medo de dizer que era casado, se ele tivesse feito isso não passaria por essa vergonha.
 
 
Os perigos espirituais, estarão diariamente em nossa vida, se não tivermos coragem para vence-los, seremos envergonhados por eles. Existe um defeito ridículo na vida de algumas pessoas que dizem ser cristas, elas acreditam que uma pessoa que não seja cristã não tem caráter não respeita nada nem ninguém, o casamento sempre foi e sempre será respeitado por aquele que também não compartilha da mesma fé ou crença que você tem, então, não subestime as pessoas, lembre-se do exemplo de Isaque.
 
 
Deus em sua misericórdia e soberania livra Isaque da morte, Abimeleque decretou uma ordem para todos os moradores da cidade de Gerar que não atentassem contra a vida de Isaque e Rebeca e que se alguém atentassem contra a vida deles morreriam. Deus demonstrou e mostrou para Isaque o que é crer para viver, confiar e não ser envergonhado, obedecer e ser protegido. Deus usou a vida de um rei que não o conhecia, para mostrar para Isaque que Deus é Soberano sobre tudo e sobre todos.
 
 
Lembre-se quando os perigos espirituais vierem ao seu encontro você sempre terá três opções:
 
1- Obedecer a Deus,
2- Desobedecer a Deus,
3- Ou esperar a sua misericórdia sobre a sua vida, lembrando a você que e sempre melhor obedecer a Deus para evitar constrangimentos e perigos.
 
 
Frase: Este livro, cavalheiro, é a rocha em que se firma nossa república. Andrew Jackson:




Hey,

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários. E aproveite também para nos seguir nas redes sociais como: Facebook | Instagram | Google + | YouTube | Assinar Feed




Foto: Tumblr


 

 

Nenhum comentário

OUÇA NOSSO PODCAST

© No Teu Altar - 2017. Todos os direitos reservados. Reprodução do conteúdo somente com autorização por escrito. Web Design: Garota Criativa. Inicio NTA